Blog

mãos segurando miniatura de casa

Muitas pessoas resolvem alugar um imóvel pela rapidez do processo e por apresentar menos burocracias e transtornos do que comprar. Entretanto, o aluguel de uma casa também envolve diversos fatores que necessitam de bastante atenção para que você não corra o risco de ter possíveis prejuízos.

Ao longo deste texto, você vai identificar os pontos principais que reunimos para que você consiga entender o que é preciso para morar de aluguel e evitar qualquer problema. Confira!

 

1.Contrato de aluguel

Um dos itens principais que, muitas vezes causa algum problema por não ter recebido a devida atenção, é o contrato de aluguel. É de extrema necessidade que este seja bem redigido e apresente as informações com bastante clareza para não causar desentendimentos na hora da devolução, termo de vistoria ou recusa do proprietário em receber o imóvel, em ambas as partes da negociação.

O contrato deve conter a descrição tanto do locador quanto do locatário, além de possíveis terceiros, além da descrição dos valores e das formas de pagamento do aluguel.

Outro ponto que deve ser observado no contrato é o que se refere às multas para conferir quais são as cláusulas contratuais a serem seguidas, a fim de evitar os temidos ônus.

Ademais, é recomendável pesquisar informações sobre a Lei do Inquilinato para que você tenha mais conhecimento sobre os direitos e deveres de locador e locatário.

mãos segurando miniatura de casa

 

2. Condições do imóvel

Antes de alugar o imóvel, é importante fazer uma vistoria geral neste. Você deve prestar atenção em cada detalhe para garantir que o imóvel foi entregue nas condições adequadas.

Conforme a Lei do Inquilinato, a entrega do imóvel deve ser realizada com um bom estado de uso, ou seja, sem infiltrações, vazamentos ou problemas na instalação elétrica.

Então vale a pena observar, por exemplo, se a parte elétrica e hidráulica está funcionando; se o piso, as janelas e as paredes estão em boas condições e se não há vazamentos.

 

3. Reforma e construção

Um dos problemas mais comuns de quem aluga imóvel é não poder ter a liberdade de personalizá-lo do jeito que preferir. Quando você assina um contrato de aluguel, é preciso estar ciente que qualquer alteração necessita do aval do proprietário.

Por mais que a sua reforma possa valorizar o imóvel, dificilmente você terá condições de pagamento facilitadas ou reembolso por esta ação. Porém, vale ressaltar que caso haja algum vazamento ou infiltração, é responsabilidade do proprietário fazer os devidos reparos ou oferecer descontos no aluguel.

empresário na mesa do escritório

4.Quebra de contrato

Você também deve ter muita atenção às cláusulas que falam sobre as condições de quebra de contrato, antes do final da vigência, para verificar a aplicação de multas e o valor destas.

Uma das formas de evitar essa multa é avisar que precisará sair do local com pelo menos 30 dias de antecedência. 

Deve-se ter cuidado ao contratar uma empresa para fazer os reparos e a pintura, pois caso a manutenção não seja realizada com qualidade, o proprietário ou a imobiliária pode se recusar a receber o imóvel até que todos os reparos sejam devidamente efetuados.

Estes são alguns dos pontos que merecem atenção dobrada ao alugar um imóvel para evitar possíveis dores de cabeça. Já preparamos um conteúdo sobre alugar, comprar ou adquirir um imóvel, para ajudar a tirar suas dúvidas, clica aqui para conferir.

Para conferir mais assuntos como este, é só continuar acompanhando o nosso blog e acompanhar as novidades pelo Facebook e Instagram.

Comentários

Open chat